Governo do Maranhão realiza vistoria técnica na Ponte do São Francisco, em São Luís

Acessar fotos
7/11/2022

O Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura (SINFRA-MA) realizou, na manhã desse domingo, 6, vistoria técnica na parte estrutural da Ponte José Sarney, que interliga a região central de São Luís ao bairro São Francisco.

 

Na oportunidade, estiveram presentes o secretário da Sinfra, Aparício Bandeira, o secretário de Obras Civis, Fabiano Junqueira, além de engenheiros projetistas. A vistoria teve como objetivo realizar o estudo aprofundado da parte superior e inferior, assim, como, avaliar as transversinas e longarinas e o tabuleiro estrutural da Ponte.

 

A ação teve início na parte da cabeceira da Beira Mar, sentido Centro, onde a equipe de engenheiros projetistas usou um caminhão de articulação invertida para realizar a inspeção estrutural na área. A equipe percorreu a extensão do local interditado realizando um trabalho detalhado de avaliação de recuperação que vai ser realizado. De acordo com o secretário Aparício, ainda neste mês de novembro, o projeto começará a ser desenvolvido na prática.

 

“Estamos hoje, aqui, fazendo o diagnóstico completo da situação da Ponte José Sarney. Ao longo dos 52 anos, ela vem sofrendo alguns desgastes e já foram realizadas intervenções, mas sempre precisa de manutenção. Agora, temos os problemas estruturais no local dos pedestres e vamos precisar intervir. Até o final deste mês, o projeto vai estar pronto e iniciaremos o serviço”, disse.

 

O Secretário Adjunto de Obras Civis, Fabiano Junqueira, destacou que essa última vistoria vai determinar e guiar os trabalhos de recuperação estrutural.  Nessa etapa, vai ser determinado o início das ações de recuperação.

 

“Nós estamos concluindo a última etapa de verificação da extensão de danos da Ponte, de forma que a gente tenha o mínimo de interferência possível no tráfego de carros e no tráfego de pedestres sobre o local. Os engenheiros projetistas avaliaram a parte inferior da superestrutura e isso vai determinar as condições do serviço e, por fim, como será executado”, ressaltou.

 

Ação na Ponte José Sarney:

Na local, foi utilizado um caminhão de lance invertida que transportou engenheiros projetistas para realizar uma vistoria visual, como, também, ensaios de concreto, com o objetivo de possuir embasamento técnico para o laudo final. Dessa forma, após o laudo, o projeto de execução será elaborado e, por fim, a execução das obras começam. Nesse intervalo, o trânsito não sofrerá alterações e nem será prejudicado.