15/12 15:38

Em 2021, mais de R$ 40 mi são investidos em infraestrutura para ampliar ensino técnico e em tempo integral no Maranhão

Grandes estruturas e grandes histórias o IEMA tem contado em todo o Maranhão (Foto: Reprodução Secom)

Grandes estruturas e grandes histórias o IEMA tem contado em todo o Maranhão (Foto: Reprodução Secom)

As novas unidades do IEMA’s contemplaram diferentes regiões do estado, fortalecendo a rede de ensino e preparando os jovens para o mercado de trabalho

Educação pública e de qualidade, ensino técnico em tempo integral, esporte, lazer, cultura e uma estrutura de qualidade com salas, laboratórios e espaços de vivência. Esse era um sonho das comunidades maranhenses. Hoje, o sonho é realidade em todas as regiões, através do projeto pioneiro do Governo do Maranhão, ao implantar o Instituto de Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

Para Clayton Noleto, secretário de Estado da Infraestrutura (Sinfra) as obras educacionais fazem parte de um conjunto de investimentos que o governador Flávio Dino faz questão de destacar desde o início da sua gestão no Governo. Educação é base para que a sociedade possa se desenvolver com qualidade.

“É um investimento alto, e não temos medido esforços para que os nossos jovens tenham acesso a uma educação de qualidade. Nunca houve na história do Maranhão tantos investimentos nessa área. A construção dos IEMA’s é um marco nesta gestão, e temos muito orgulho de ajudar a construir essa história. Mesmo em meio a crise econômica e sanitária, as nossas obras seguiram um ritmo firme, e pudemos entregar novos espaços para alunos e professores em diversas regiões”, disse o secretário.

Bibliotecas recheadas de diversas literaturas fazem parte do projeto do IEMA (Foto: Reprodução Secom)

Bibliotecas recheadas de diversas literaturas fazem parte do projeto do IEMA (Foto: Reprodução Secom)

O projeto é desenvolvido e gerenciado pela Sinfra, onde a equipe de engenharia transforma a área em espaços com a melhor infraestrutura. Em Coroatá, por exemplo, o projeto contemplou uma área de dois mil metros quadrados. O espaço oferece hall, biblioteca, térreo, auditório com capacidade para 200 lugares, bloco pedagógico, bloco de serviços, quadra, laboratórios especiais.

“Temos uma infraestrutura poderosa”. Esse foi o depoimento da Daniele, professora no IEMA em Coroatá, que agora tem recursos de sobra para auxiliar no desenvolvimento dos alunos. “É uma satisfação. Temos laboratório, salas amplas, dá uma comodidade para o ensino e, consequentemente, os alunos podem crescer e aprender mais”, destacou a professora.

Em Amarante a unidade do IEMA é algo inédito para os estudantes (Foto: Leandro Sousa)

Em Amarante a unidade do IEMA é algo inédito para os estudantes (Foto: Leandro Sousa)

Já na região Oeste, na cidade de Amarante, a população recebeu com muita festa neste ano a estrutura ampla e moderna, atendendo as necessidades da comunidade estudantil. Antes, os alunos precisavam se deslocar até Imperatriz para buscar outras alternativas para o ensino. Agora, com a nova infraestrutura pronta, o município de Amarante passará a oferecer vagas de ensino para as cidades e povoados vizinhos.

“Com essa unidade do IEMA chegando, muitos jovens terão aulas que Amarante nunca viu, com ensino em tempo integral e com cursos técnicos. Será um salto na educação! Eu, assim como toda a população de Amarante, estou muito ansioso por isso”, destaca o estudante Thiago Viana.

Novas obras, novas conquistas!

“Eu estou muito feliz, é uma conquista muito grande para Colinas, desejo muito estudar aqui”, disse Ilana Xavier, futura aluna da Unidade Plena de Colinas, mais um obra entregue neste ano pelo Governo do Maranhão. O sentimento da Ilana retrata o carinho de toda a comunidade em ver o sonho ser realizado.

O reitor do IEMA, Alex Oliveira, também reforçou a satisfação em ver mais uma unidade pronta no estado. “Um dia histórico! A unidade de Colinas vai oferecer quatro cursos técnicos e vai ajudar a promover melhores oportunidades de trabalho e mais qualidade de vida, mais desenvolvimento científico e tecnológico para o Maranhão”, enfatizou Alex Oliveira, reitor do IEMA.

Todas as regiões foram contempladas com unidades do IEMA (Foto: Gilson Teixeira)

Todas as regiões foram contempladas com unidades do IEMA (Foto: Gilson Teixeira)

Em Santa Luzia do Paruá, a comunidade também foi contemplada neste ano com salas de aula e laboratórios especializados com melhores condições para que alunos e professores possam desempenhar suas atividades.

Em todo o Maranhão, as unidades do IEMA levam geração de emprego durante o período de construção, aquecem a economia local, envolve a comunidade para a decisão dos cursos que são relevantes para a região, e mobiliza a comunidade estudantil para realizar novos projetos que possam beneficiar a sua comunidade.

Contatos

contatos

Endereço:

Av. Jerônimo de Albuquerque, s/n, Ed. Clodomir Milet, 3º andar, Calhau

CEP: 65051-200 – São Luís-MA

Fones: (98) 3218-8055 / 3218-8044
Fax: (98) 3218-8037

Map

Click to open larger map

Powered by Google Maps Widget
Localização

localização

Click to open larger map

Map

Click to open larger map

Powered by Google Maps Widget