29/12 10:17

Em seis anos de investimentos constantes em serviços de saúde, Governo consegue descentralizar atendimentos médicos

Pela primeira vez na história, novas estruturas hospitalares chegam em todas as regiões do Maranhão

Hospital do Servidor - novas estruturas hospitalares chegam em todas as regiões do Maranhão (Foto: Divulgação)

Hospital do Servidor – novas estruturas hospitalares chegam em todas as regiões do Maranhão (Foto: Divulgação)

O Governo do Maranhão vem aumentando a rede de assistência na saúde em todo o território maranhense. De uma forma constante, o Estado executou reformas e construiu novos prédios de saúde, alcançando todas as regiões.

Por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), o Governo tem expandido os núcleos de atendimentos na saúde. Somente neste ano de 2020, em virtude da pandemia do novo coronavírus, o Estado aumentou a capacidade de atendimento exclusivo para a doença em oito vezes.

Em seis anos de investimentos constantes em serviços de saúde, Governo consegue descentralizar atendimentos médicos (Foto: Divulgação)

Em seis anos de investimentos constantes em serviços de saúde, Governo consegue descentralizar atendimentos médicos (Foto: Divulgação)

Mas como o trabalho não começou neste ano, desde o início da gestão Flávio Dino, foram mais de 30 intervenções hospitalares, dentre entrega de prédios novos, reformas e ampliações de prédios já existentes, sem contar com os Hospitais de Campanha para auxiliar no combate ao novo coronavírus. Com as últimas inaugurações, como a do Hospital Dr. Rubens Junior, em Lago da Pedra, o Maranhão marcou um novo capítulo na história, o da descentralização dos atendimentos por todo o território.

Segundo o Governador Flávio Dino, isso foi possível graças ao planejamento estratégico da Secretaria de Estado da Infraestrutura, juntamente com a Secretaria de Estado de Saúde (SES). “Há uma inteligência no planejamento que faz com que haja essa regionalização, de modo que damos apoio aos municípios em todos os quadrantes do território maranhense”.

A Região Norte teve um aumento expressivo nos cinco anos de governo, com 17 entregas. A última foi feita neste ano, com mais uma etapa inaugurada do Hospital da Criança na cidade de São Luís, que passou por uma reforma com ampliação e agora possui mais 20 leitos de observação exclusivos para cuidar da saúde de nossas crianças.

Em seis anos de investimentos constantes em serviços de saúde, Governo consegue descentralizar atendimentos médicos (Foto: Divulgação)

Em seis anos de investimentos constantes em serviços de saúde, Governo consegue descentralizar atendimentos médicos (Foto: Divulgação)

Outra obra que merece destaque foi a construção do Hospital Antonio Hadade em Viana. São mais 40 leitos que beneficiam a região norte e os municípios vizinhos, como Matinha, Penalva e Vitória do Mearim.

No Sul do estado, um importante marco para a região foi a entrega do Hospital Regional de Balsas em 2017, a primeira unidade de saúde estadual neste pólo do estado. Fortalecendo essa região, neste ano foi entregue também o Hospital Municipal de Carolina. Com 20 leitos, salas cirúrgicas, uma sala de parto, sala de raio-X, laboratório, consultório ginecológico e mais, há um aumento na oferta de atendimento público para os sulistas maranhenses.

O Hospital Regional Dra. Laura Vasconcelos, em Bacabal, localizado no centro do estado, é além de apoio a 26 municípios, um importante pólo de atendimento. Na Região Leste, três hospitais foram inaugurados nos últimos anos. Em Chapadinha, no ano de 2018 foi entregue o Hospital Macrorregional, que hoje também recebe casos de coronavírus com 32 leitos exclusivos, sendo 20 clínicos e 12 de UTI.

A Região Oeste também recebeu ampliação no número de Hospitais da rede estadual, hoje são 09 com a recém inauguração do Hospital Dr. Rubens Jorge, em Lago da Pedra. Tudo isso, afirma o Governador Flávio Dino, colaborou para a maior expansão de atendimentos na saúde nos últimos cinco anos. “Desde 2015, quando assumimos o governo, abrimos o maior número de leitos hospitalares da história do Maranhão. Concluindo obras inacabadas e iniciando outras, efetivamos uma rede descentralizada que levou a saúde para mais perto de todos. Hoje, as várias regiões do Estado têm o seu hospital estadual de referência, e vimos agora, na pandemia do coronavírus, a imensa diferença que isso faz”, disse o governador.

OBRAS EM ANDAMENTO

Hospital da Ilha - Em seis anos de investimentos constantes em serviços de saúde, Governo consegue descentralizar atendimentos médicos (Foto: Divulgação)

Hospital da Ilha – Em seis anos de investimentos constantes em serviços de saúde, Governo consegue descentralizar atendimentos médicos (Foto: Divulgação)

Através da Sinfra, 09 obras de saúde estão em andamento no Estado.  Na capital, duas merecem destaque. A primeira é a construção do Hospital da Ilha, um marco no atendimento de urgência e emergência. Com a proposta de desafogar os serviços nos dois socorrões da cidade, o hospital terá  na primeira etapa, 212 leitos, distribuídos em sete blocos de atendimentos e na segunda etapa, serão totalizados aproximados 400 leitos de internação, além da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e Unidade de Tratamento de Queimado, a primeira do Maranhão.

Outra obra que está em andamento em São Luís é a terceira etapa de ampliação do Hospital do Servidor. Após os serviços, a capacidade de atendimento será aumentada em mais 104 leitos de internação. Além disso, haverá também leitos específicos para isolamento, postos de enfermagem, sala de repouso e mais.

Assinatura da Ordem de Serviço do Socorrão de Imperatriz (Foto: Jannaina Amorim)

Assinatura da Ordem de Serviço do Socorrão de Imperatriz (Foto: Jannaina Amorim)

Nas cidades de São Mateus e Pedreiras, estão em construção dois hospitais que vão auxiliar na demanda de atendimento da região central. Ambas as novas construções, contarão com 40 leitos cada, salas de consultório, enfermarias e mais. Mais cinco prédios estão passando por reformas e ampliações nas cidades de Coroatá, Paço do Lumiar, São Luís, e Timon.

Além destes, as obras de construção do Novo Socorrão na cidade de Imperatriz já iniciaram. Serão 131 leitos que poderão ser expandidos até 400 leitos. A assinatura da ordem de serviço foi feita neste mês de dezembro com a presença do Vice-Governador Carlos Brandão e do Secretário Clayton Noleto em frente ao Hospital Macrorregional Dra. Ruth Noleto.

 

Contatos

contatos

Endereço:

Av. Jerônimo de Albuquerque, s/n, Ed. Clodomir Milet, 3º andar, Calhau

CEP: 65051-200 – São Luís-MA

Fones: (98) 3218-8055 / 3218-8044
Fax: (98) 3218-8037

Map

Click to open larger map

Powered by Google Maps Widget
Localização

localização

Click to open larger map

Map

Click to open larger map

Powered by Google Maps Widget